Conforto acústico: 6 maneiras de reduzir ruídos em Restaurantes

Quando você está em uma reunião com a família, num almoço de negócios ou apenas tirando um tempo para relaxar em um restaurante, o ideal é que o ambiente seja tão agradável quanto possível, não é verdade? Isso inclui não só a qualidade da bebida, dos petiscos e do serviço, mas também o ambiente como um todo. Por isso, reduzir ruídos em restaurantes é uma parte fundamental para garantir que os clientes tenham o conforto que buscam.

Como o nome já diz, o conforto acústico se refere ao som natural de um ambiente é agradável para as pessoas. Estar em um lugar muito barulhento, em que é difícil manter uma boa conversa, por exemplo, não é nada confortável, e esse fator pode influenciar a fidelização do cliente.

A disposição das paredes, altura do teto e até a geometria da área de convivência têm grande influência na forma como o som se propaga, e saber disso te dará uma boa vantagem para melhorar o conforto acústico do seu estabelecimento. Afinal, o sucesso de um ambiente público também depende de investimento na qualidade do projeto arquitetônico, assegurando, desse modo, o conforto de todos os presentes.

Mas por onde você pode começar? Se está com algumas dúvidas, saiba que não precisa se preocupar. Listamos aqui seis maneiras simples de melhorar o conforto acústico no projeto de restaurantes. Acompanhe abaixo!

1. Forro ou elementos acústicos no teto

Quando o acabamento do teto apresenta a superfície lisa e polida, favorece a reflexão do som, distribuindo-o pelo ambiente. Dessa forma a música ambiente, as conversas paralelas e o ruído decorrente da movimentação de pessoas podem se misturar uns com os outros com muito mais facilidade, tornando o espaço ruidoso e a missão de estar nele, perturbadora.

Para eliminar esse problema, basta revestir o teto com materiais porosos, como as placas acústicas em melamina expandida; ou acrescentar painéis suspensos, que são chamados de Baffles ou Nuvens Acústicas. A dica é ficar com a opção que ofereça melhor composição com a decoração de seu espaço.

Outra opção que tem sido muito utilizada pelo ótimo custo/beneficio são os forros minerais em cores personalizadas, que conferem um ar mais acolhedor ao ambiente. Escolha os modelos que ocultam o perfil e já vêm com pintura especial de fábrica para garantir bons resultados.

Esses produtos acústicos promovem a absorção de grande parte dos ruídos, reduzindo a interferência entre as mesas e deixando o som ambiente mais agradável, o que faz com que seja possível conversar sem maiores problemas, pois, num ambiente menos ruidoso, também é possível falar mais baixo sem deixar de ser compreendido por aqueles que estão envolvidos na conversa.

Mas tenha em mente que um ambiente confortável não precisa ser totalmente silencioso, uma vez que faz parte da ideia de restaurante manter um clima animado e descontraído. Dessa forma, é importante pedir ajuda a um especialista para utilizar o forro acústico na medida certa.

2. Texturização da parede

O mesmo princípio que mencionamos para o teto também pode ser aplicado a outras superfícies, como as paredes. Dado que boa parte da reverberação entre as conversas e o burburinho de fundo também são refletidos pelas paredes lisas.

Há várias ideias populares sobre como a decoração, quadros, estantes e outros elementos podem ajudar a quebrar as ondas sonoras, mas, se o nível de ruido for muito elevado, o melhor é optar por painéis acústicos que tenham sido desenvolvidos especificamente para essa função.

Além disso, existem vários modelos no mercado que podem oferecer um excelente acabamento estético. Se tudo for feito corretamente, esse investimento pode ser muito benéfico ao seu projeto.

3. Isolamento acústico entre ambientes

Se o restaurante vai contar com música ao vivo, é importante cuidar também do isolamento acústico. Isso ajudará a evitar problemas com os vizinhos. Principalmente se o seu estabelecimento estiver localizado numa área mais residencial.

Nesses casos, o melhor é investir em materiais de isolamento acústico, como janelas e portas que ofereçam a mesma atenuação que teto e paredes. Lembramos que, se não houver laje abaixo das telhas de cobertura, é recomendável investir num forro isolante antes de cuidar da absorção sonora, conforme vimos no item 1 deste texto.

O isolamento dos materiais é medido pela capacidade de bloqueio do som. O índice de isolamento medido em laboratório chama-se Rw e é utilizado para classificar janelas, portas, paredes e tetos.

Um ponto importante é em relação ao cuidado na montagem e instalação desses materiais, que deve ser grande, já que uma pequena fresta pode fazer com que o som passe direto e atrapalhe o conforto daqueles que não estão envolvidos na diversão proporcionada pelo seu espaço.

4. Mobiliário estofado

Uma solução um pouco menos recorrente, mas que também se prova muito útil, é a utilização de móveis estofados. Pode não parecer algo tão relevante, mas diversos bares e restaurantes se valem desses elementos para diminuir a quantidade de ruído no ambiente, pois os estofados contribuem para dispersar os sons, além de conferir mais conforto aos clientes.

5. Escolha equipamentos menos ruidosos

O conforto acústico em bares e restaurantes não depende apenas dos acabamentos e do mobiliário, mas também dos equipamentos. Se essa preocupação já existir na fase de projeto, é possível pensar na escolha dos modelos mais silenciosos, para garantir funcionalidade e conforto em todos os aspectos.

Dessa forma, equipamentos de ar condicionado, exaustores e outros previstos para a área de convivência não serão um problema para a conversação ou música ambiente.

6. Invista em cortinas e toalhas de mesa

O vidro tem sido muito utilizado em restaurantes, formando amplas fachadas ou separando ambientes de um modo estratégico.

Porém, essas superfícies são acusticamente refletoras, sendo recomendada a utilização de cortinas, mesmo que em tecidos mais leves, pois de certa forma ajudam a conter a reverberação, reduzindo a propagação do burburinho pelo ambiente. Toalhas de mesa também são ótimas para reduzir o tinido de talheres e copos sobre a mesa. Além de tornar o clima do jantar mais aconchegante.

Com essas dicas, você já pode investir para reduzir ruídos em bares e restaurantes. Promovendo o melhor conforto acústico sem dificuldade alguma. Se quiser continuar nos acompanhando, siga-nos no Facebook e no Twitter e receba nossas novidades em primeira mão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This